Arritmia cardíaca e morte súbita:

Por que os corredores deveriam ficar atentos a isso?

A arritmia cardíaca é uma alteração que ocorre no estímulo elétrico do coração. Quando não diagnosticada e tratada corretamente, essa doença pode provocar parada cardíaca e morte súbita.

1 em 4 pessoas terão algum tipo de arritmia cardíaca ao longo da vida.

Cerca de 300 mil brasileiros morrem por morte súbita todos os anos.

fonte: SOBRAC

TODOS NÓS nós estamos vulneráveis à ocorrência de arritmias cardíacas e até mesmo morte Súbita, mesmo os atletas bem treinados...

Cuide do seu coração!

Previna-se contra as arritmias cardíacas, com essas 7 dicas:

Abandone o cigarro ou qualquer outro tabagismo.

1

Modere (ou elimine!) o consumo de álcool

2

Reduza ao máximo as situações de stress. (Quando não puder evitar, busque alternativas para se acalmar, como terapia, meditação, música etc)

3

Pratique atividades físicas com regularidade

4

Cuidado com o overtraining (excesso de treino). Respeite seus limites e evolua progressivamente, com apoio de um treinador.

5

Tenha acompanhamento médico regular para avaliar não só o coração, como a saúde como um todo.

6

Na ocorrência de qualquer sintoma, interrompa a atividade e consulte um médico!

7

Sintomas de Arritmia Cardíaca Dor no peito, palpitação, cansaço fora do normal, tontura, visão turva, crises de sudorese (suor em excesso).

E não se esqueça!

Treinar com ajuda especializada é a melhor forma de investir em saúde e alcançar os resultados que você busca na corrida!